quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Ahhh, quer saber???!!!!!



Como quem cala consente,  resolvi soltar o verbo e dar o meu recado.
O negócio é o seguinte:
Galerinha do oba-oba, ego superinflado, individualismo giga, egoísmo master, superficialidade blaster, volubilidade louca e volatilidade à flor da pele,  povo do "juroquetôarrasando", do "dabocapráfora" e do "nãoseioquequero"  ... trupe da educação mínima, noção nula e respeito zero:
ANDO BEM DE SACO CHEIO DE VOCÊS!!!!!!!!
Ahhh, quer saber?
Chega uma hora que a gente cansa de certas gracinhas ...  
Então, de boa, 1,2,3 e cada um com sua turminha... 
Fico até lisonjeada pela preferência... Agradeço... MAS PASSO!!!!!!
Por mais que certas coisas já não me surpreendam,  não chego ao ponto de acostumar-me com elas... 
Pouco me importa a era tecnológica virtual/global/o escambau em que vivemos...
Às favas com a rapidez, dinamismo e liquidez  das relações humanas atuais...
Para mim, gente é gente, não é item: colecionável, armazenável ou descartável.
Não faço menor questão de ser parte deste rodízio humano, ou seja lá o nome que isto receba...
Ô minha gente, "Vamos se respeitar"!!!!

Conseguiu perceber o teor destas coisas que me irritam????
Não???? Rum,  Mais uma prova certificando minha teoria de que não somos todos feitos da mesma essência, nem temos os mesmos níveis de percepções...
Percebeu mas não concorda??? Direito seu. Haja conforme seu grau de evolução...
Concorda comigo???? Perfeito. Tenho uma ótima notícia para você... Não somos os únicos...

Gosto de gente que chega para somar, que dá a cara à tapa e paga para ver, que aposta, que permite (e se permite) ... Gente que percebe que por trás de cada um existe uma história única,  singularidades, diferenças e afinidades, enfim...  uma outra pessoa, outro universo e um milhão de novas possibilidades...
Para os que não pensam como eu, reitero:
Nada pessoal gente...  só que aqui a banda toca diferente, outro rítmo, outro timbre, sabe?!
Aos que compartilham deste compasso, sejam super bem vindos...
Aos que andam fora dele... 
Sejam Felizes, ao lado dos SEUS semelhantes!!!!


E  como quem canta, seus "males espanta" , para quem também anda de saco cheio ....
Bora cantar comigo, abstrai a letra dramática, e foca no refrão:

La laiá laiá laiá laiáaaaaaaaa...